Televendas 011 2204 5088
Meu cadastro
Minha sacola 0 itens

DICAS PARA APRENDER A ANDAR DE SKATE

Postado em 10/02/15 10:08

Compartilhe:

 

Se você quer começar a fazer um rolê de board pelas ruas, pistas ou ladeiras, primeiro deve se pensar em qual é a sua preferência. Aquele carrinho com rodas e trucks não é tão simples quanto parece. É possível desenvolver estilos completamente diferentes com um skate. Street, Vert/Bowl Riding, Freestyle, Downhill, Street/Classic Luge, Slalom, Mountainboard são algumas das modalidades que envolvem o carrinho. O mais importante em todas elas é manter a confiança em si mesmo, e sempre ser persistente, buscando evolução.


Após surfistas sentirem a necessidade de praticar seu esporte nos dias sem condições para o surf, a ideia de pegar um pedaço de madeira e colocar rodinhas se tornou em um dos esportes mais praticados no século XXI. Modalidades que ainda vemos hoje em dia, como downhill, slalom e o freestyle já faziam a cabeça da galera. Depois que o químico/surfista/skatista Frank Nashworthy (USA) inventou a roda de poliuretano, em 1973, foi possível ter uma melhor aderência, e o skate ficou mais leve do que antes. Com o carrinho dispondo de uma melhor performance, a galera começou a entrar de cabeça nessa nova moda e modalidades diferentes foram surgindo. Na década de 70 uma grande seca abateu a California fazendo de piscinas e reservatórios nas primeiras skateparks, dando início ao vert. Na década de 80 o skate sofreu com um afastamento dos investimentos e várias pistas e mídias da cena fecharam ou migraram para o BMX, desse jeito mais uma modalidade nascia no esporte – street.


Portanto se você deseja aprender a andar de skate, é preciso escolher qual modalidade se jogar e manter o foco. Aqui vão algumas dicas para aprender a andar de skate:

Street:

Se você for se jogar no street comece com o ollie. Posicione bem seus pés, alinhe o board com os trucks para a manobra encaixar mais facilmente, e treine bem (posição dos pés, impulsão, equilíbrio...). Quando estiver com o pop bem treinado, comece a tentar outras tricks – varil, shove-it, flip, hell flip, hard flip, hard hell flip, kick flip, varial flip, laser flip e diversas variações. Com o tempo e persistência a evolução virá e outras ambições vão sendo impostas pelo carrinho. Gaps e corrimões são os passos a dar na sequência da evolução, e nesta fase é preciso estar com as manobras no pé. Confiança, equilíbrio e muito treino é a chave do sucesso.


Vertical:


Quando estiver pensando em dropar uma pista, o primeiro passo é começar de baixo até conseguir alcançar o corrimão (coping) somente com sua impulsão. Ao sentir coragem de dropar posicione seu board no coping (corrimão), e com o pé da frente nos parafusos faça total força para baixo, buscando encostar suas rodinhas na pista. O medo vai te acompanhar durante todos os passos de sua evolução, e cada vez mais você consegue conviver com ele, e superá-lo. O próximo passo é alcançar total confiança na parte mais alta da pista treinando leves batidas, e principalmente o fake (trocar o pé de traz) indo de um lado pro outro, até conseguir chegar no topo e dar uma levantadinha no tail. Ao adquirir total confiança, foque no coping e deixe a rodinha passar e voltar aos poucos do corrimão, cada vez mais aliviando o corpo e encaixando as rodas. Para voltar basta fazer uma pressão um pouco maior no tail, e deixe seu corpo impulsionado para trás dropando de volta de base invertida. As quedas são inevitáveis nessa hora, pois é uma trick que você volta de costas para pista, então a persistência é fundamental. Depois disso você nunca mais esquecerá essa base, e ela será a chave para começar a entender todas as outras.


Downhill:


Downhill é a modalidade do skate com mais divisões. Um rolê na ladeira pode ser feito das mais variadas maneiras. Tanto com um skate de 30 polegadas ou com um de 50, é possível encontrar um estilo diferente. Dropar buscando o máximo de velocidade possível ou buscando aproveitar todos os cantos da rua com manobras (cada categoria conta com manobras. Ao se deparar com uma ladeira você somente deve dropar se estiver totalmente confiante no momento. Procure drops menos inclinados e/ou retas, para primeiramente sentir o carrinho no pé, e conseguir entender como se faz para controlar sua velocidade. Dessa maneira você saberá seu limite e desenvolverá uma base boa para aprender o resto. O próximo passo é compreender todos os movimentos do slide e aprender com muito treino. Alivie bem o peso das pernas e pratique bem a carveada, ela é a chave de todas as manobras.

Histórico de Navegação
Chat
Precisa de ajuda? Vamos conversar!
Televendas 011 2204 5088
Olá visitante!
Sua conta
Minha sacola 0 itens
fechar