Televendas 011 2204 5088
Meu cadastro
Minha sacola 0 itens

25 MIL DÓLARES PARA A CARIDADE

Postado em 03/04/14 12:33

Compartilhe:

Bianca Buitendag

O dia 11 de março vai ficar marcado na memória da sul-africana Bianca Buitendag. Do outro lado do mundo, em uma terça-feira, Bianca fazia sua primeira final no World Tour, aos 20 anos de idade. A bateria foi contra a veterana e cinco vezes campeã mundial, Stephanie Gilmore, que competia em casa. Bianca fez bonito, mas terminou em segundo lugar. Ainda sem acreditar no que estava acontecendo, e tomada pela emoção, declarou que os 25 mil dólares do prêmio seriam doados para uma instituição de caridade em sua terra natal. A Gold Coast ficava ainda mais radiante com esta notícia.

Depois disso, Bianca concedeu uma entrevista ao portal da revista australiana Surfing Life, que indagou nossa atleta sobre o porquê desta ação, e para onde o dinheiro iria. Confira!

Você está doando o seu prêmio em dinheiro para caridade!

Sim! Isso é verdade. Tenho a percepção de que temos muito, e, por isso, muitos têm ainda menos. Tenho mais do que suficiente, e isso é tudo que posso fazer. Quero levar o prêmio em dinheiro e dar para as crianças e as pessoas que não têm as oportunidades que eu tenho.

Algo em especial te inspirou?

É difícil descrever. Vindo da África do Sul, você vê as pessoas enfrentarem grandes lutas diárias. Você passa por antigos povos que não podem nem mesmo colocar o pão na mesa, e então você vem aqui e tudo que tem a fazer é competir e ganhar uma bateria – isso simplesmente não parece tão significativo. Qual a importância de ganhar um campeonato ou ir bem, sem ser capaz de mudar a vida de outras pessoas, sabe? Somos tão amados por Deus, não importa quem somos ou o que fazemos. Eu sou cristã. Realmente não gosto da palavra cristã, porque tem tantos exemplos ruins, mas eu acredito em Jesus Cristo. Você vê o amor de Deus todos os dias, e é uma decepção manter isso para si mesmo. Algo me disse para entregá-lo.

Roxy

 

Você está doando para alguma instituição de caridade em particular?

Eu cresci surfando com um monte de gente, e dois dos meus amigos começaram uma instituição de caridade há cerca de quatro ou cinco anos. Estive envolvida com eles por um tempo.. Chama-se The Healthy Mom (A Mãe Saudável) e Baby Clinic (Clínica do Bebê) e é para aconselhamento e ajuda médica durante a gravidez, gravidez inesperada, gravidez na adolescência… Aids é um grande problema na África do Sul, e é também para a prevenção da Aids. Eles têm um pequeno edifício no meio de um município em J-Bay. Na África do Sul, muitas mulheres não conseguem lidar com a notícia de ter um bebê, então, jogam eles longe, basta despejá-los. E esta clínica tem uma “caixa de bebê”, onde as mães têm a oportunidade de colocar seu bebê indesejado lá. Assim vão cuidar deles e garantir assistentes sociais e outras coisas. Quer dizer, estas são as lutas importantes que eu estou falando.

Outra das instituições de caridade que eu estou doando é a chamada ALEPH. Muitos dos grandes problemas na África do Sul vêm de crianças que não têm pais – muitas das crianças do distrito (de J-Bay) não têm pais ou qualquer tipo de modelos masculinos, e eles se juntam com as pessoas erradas e se envolvem com gangues e drogas. Por isso, seu fundador está alugando uma garagem e dá aulas de surf, e surfa com as crianças todas as tardes. Ele é como um pai para eles… ele ouve seus problemas e os ajuda. Vou visitá-los, e é muito divertido.

 

E o último é chamado de Life Community Services, aonde eles montaram tendas em municípios e alimentam, educam e cuidam de tantas crianças. Eles trabalham muito com o coração, e realmente compartilham o amor.

Você está disposta a mantê-lo, em toda a sua carreira?

Com certeza. É um processo contínuo. Tenho uma relação com as pessoas que começaram essas instituições de caridade, e eu as visito toda vez que vou para casa.

 

Fonte: Roxy

Histórico de Navegação
Chat
Precisa de ajuda? Vamos conversar!
Televendas 011 2204 5088
Olá visitante!
Sua conta
Minha sacola 0 itens
fechar